Páginas

Marcadores

sábado, 14 de abril de 2018

O Colorado está de volta!

Sexta-feira 13 nem sempre é sinônimo de azar. 
 
Colorado retoma atividades com filme capixaba. Foto: Linda de Abreu

Por Linda de Abreu

A sexta-feira 13 trouxe sorte para o Cineclube Colorado. Um público animado e corajoso foi ao Bar do Pantera conferir a reestreia do cine assistindo "A Noite do Chupacabras", filme do capixaba Rodrigo Aragão. E quem ficou até o final ainda concorreu à uma caneca em formato de caveira e ao livro "Fábulas Crueis", de Luiz Vadico.

Sessão teve sorteio de brindes temáticos. Foto: Linda de Abreu
A contadora Viviam Borré assistiu pela segunda vez o longa. "Levei susto mesmo assim", garante. Uma das partes que ela achou mais interessantes foi o retrato da lenda do "Homem do Saco". "Quando criança tinha medo dele. Adorei ver ele personificado em vídeo", disse.




 Viviam, que já fez parte da organização do cineclube anteriormente, comemorou o retorno das sessões e pretende vir mais vezes. "É uma ótima oportunidade de ver filmes capixabas ou fora do circuito comercial", completou.

O estudante Leonardo Vettorazzi curte filmes de horror trash e foi à primeira vez em uma sessão do Colorado. "Num contexto geral, achei a fotografia do filme produtiva. Acho que o pessoal tem que conhecer este cineclube, todo mundo devia vir. O espaço é agradável, as pessoas também são, e a cerveja é gelada", descontraiu.

As novas sessões do Cineclube Colorado este ano são possíveis devido ao Fundo Estadual de Cultura da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) e apoio do Bar do Pantera. O projeto foi aprovado no edital de “Seleção de projetos culturais e concessão de prêmio ao desenvolvimento e manutenção do cineclubismo”. Dia 25 de maio tem mais, com o filme "O Jovem Karl Marx".


Clique aqui e veja mais fotos da sessão.


domingo, 8 de abril de 2018

Cineclube Colorado retoma atividades em clima de sexta-feira 13


Por Linda de Abreu

Se para alguns uma “Sexta-Feira 13” pode ser sinônimo de má sorte, para quem gosta de filmes de terror é uma ótima data para assisti-los. Melhor ainda se for de graça e num ambiente bacana, não? Esta é a ideia do Cineclube Colorado, que retoma suas atividades no dia 13 de abril, às 19h30, exibindo “A Noite do Chupacabras”.

O filme, escrito e dirigido por Rodrigo Aragão, conta a história de um casal que está retornando para sua terra natal e se depara com seus familiares transtornados pela morte dos animais da fazenda. Os parentes acreditam que seria uma vingança pessoal de uma outra família da região. Mas a causa de tudo isso é bem mais monstruosa.

Com apoio do Bar do Pantera, a retomada das atividades do Cineclube Colorado tornou-se possível graças aos recursos do Funcultura da Secretaria de Estado da Cultura (Secult). O projeto foi aprovado no edital de “Seleção de projetos culturais e concessão de prêmio ao desenvolvimento e manutenção do cineclubismo”.


Agenda

O quê: Reestreia Cineclube Colorado com o filme “A Noite do Chupacabras”. 
Classificação indicativa: 16 anos.
Quando: Sexta-feira (13), às 19h30. 
Onde: Bar do Pantera. Rua Coronel Olímpio Cunha, 07, Campo Grande Cariacica.
(próximo à BR 262, em frente à Feltz Motopeças).


ENTRADA GRATUITA

Contato: coloradocine@gmail.com | Facebook.com/colorado.cineclube

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Festival do Minuto 2017

Mais de 300 pontos de cultura do país exibem mostras do Festival.
Todos os anos, o Festival do Minuto realiza a sua Rede de Exibição ao redor do Brasil e o Centro Cultural Frei Civitella também é um ponto exibidor. O Festival trabalha com a seleção de imagens em movimento com até 60 segundos de duração, produzidas por amadores e profissionais.

Esse ano a sessão é promovida pela Secretaria Municipal de Cultura em parceria com o Cineclube Colorado, responsável pela programação. A mostra acontece na quinta-feira, dia 25 de maio, a partir das 19 horas, no Centro Cultural Frei Civitella, em Campo Grande.

As mostras já estão confirmadas em mais de 300 espaços espalhados pelo país e ocorrem entre os dias 22 e 28 de maio, promovendo a difusão gratuita da produção audiovisual independente. Veja no mapa pontos de exibição do Festival do Minuto em 2017: https://goo.gl/yjonfc

Para 2017, foram preparadas três mostras especiais, que trazem um pouco dos principais temas que o Festival impulsionou no ano passado, como o Mapas Sonoros da Cidade e o Fazer Cinema.
As exibições do Festival do Minuto são gratuitas.


Programação

Confira a programação do Festival do Minuto no Cineclube Colorado:

  • 19h - Mostra Animação Infantojuvenil (livre, 20 min): animações lúdicas voltadas para o público mais novo do festival. Colagem, 3D e stop motion estão entre as técnicas utilizadas. 
  • 19h30Mostra Universitária (livre, 24 min): vídeos produzidos por estudantes e professores; 
  • 20h - Melhores Minutos de 2016 (livre, 50 min): seleção de vídeos que abrange diversos assuntos e técnicas. Vídeos filmados com celular, animações, vídeo arte, entre outros;
Acesse os catálogos das mostras do Festival: https://goo.gl/w3ks4X


SERVIÇO

Festival do Minuto 2017
Quando: quinta-feira, 25 de maio
Hora: a partir das 19 horas
Local: Centro Cultural Frei Civitella
Endereço: Av. Expedito Garcia, s/n. Campo Grande - Cariacica/ES, CEP: 29.146-200


ENTRADA FRANCA


segunda-feira, 1 de maio de 2017

Circuito Cineclubista #nolhodarua



De hoje (1º de maio) até o dia 31, 24 cidades de todo o Brasil participam do Circuito Cineclubista do documentário No Olho da Rua. O longa é um filme produzido por alunos e ex-alunos dos projetos de formação audiovisual do Coletivo Cidadela / Oficina Cinemaneiro

Em Cariacica, a sessão é organizada pelo Cineclube Colorado e a Secretaria Municipal de Cultura, a exibição acontece no dia 4 de maio, às 19h, no Centro Cultural Frei Civitella, localizado no bairro Campo Grande.
Além do longa metragem carioca, o Colorado também exibe o curta capixaba "Sinal Vermelho".

O longa #nolhodarua mostra o dia a dia da arte nas ruas do RJ através dos olhares, do trabalhos, das relações construídas por quatro artistas de rua. Um maestro que toca violino, uma artesã que escreve em grãos de arroz, uma performer e um cineclubista. Além disso, conta com a participação do arrebatador Amir Haddad.


Antes de ser distribuído para os cinemas e circuitos comerciais "No Olho da Rua" será lançado nos cineclubes brasileiros e será exibido em mais de 30 sessões . O filme levanta o debate sobre o que é arte e qual o limite entre o comércio e a arte urbana. O Colorado também participa desse circuito e coloca o município de Cariacica no mapa de exibições dos filmes independentes.

"Ao andar pelas ruas cariocas,com clareza eu percebia que o perfil dos performers era variado, músicos populares, eruditos e também artesãos, artistas circenses e outros. Quais as singularidades e quais seriam os problemas em comum? #nolhodarua então se torna uma pedra lançada ao lago,onde desejo que cresçam ondas de conversas e atitudes para maior expressão da Arte em todas as suas vertentes, o que muito contribuirá para alimentar características naturais do Rio de Janeiro: Cultura e Turismo", comenta o diretor Paulo Penteado.

Você pode conferir a relação completa dos participantes do circuito exibidor cineclubista do filme #nolhodarua em: https://www.facebook.com/events/1909472946001639/

Curta capixaba também aborda os artistas de rua

O curta capixaba "Sinal Vermelho" , dirigido Naiara Bolzan e Cristina Margon mostra o ponto de vista de artistas que escolheram a rua como palco. "O “Sinal vermelho” é a deixa dada para os artistas de rua mostrarem todos os seus talentos". Sinal Vermelho já conquistou o prêmio de Melhor Curta e Melhor Fotografia na mostra da ABD capixaba.


SERVIÇO

#noolhodarua + Sinal Vermelho
Quando: Quinta, 4 de maio
Que horas? às 19 horas
Onde? No Centro Cultural Frei Civitella
Qual o endereço? Av Expedito Garcia, Campo Grande, Cariacica (fica na rua da feira, ao lado do supermercado Carone)
Paga pra entrar? Não paga, a entrada é gratuita
Classificação livre
Link do evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/768848199945927/

FICHA TÉCNICA

#noolhodarua
Doc, 64min, RJ, 2017
Direção: Paulo Penteado

Sinal Vermelho
Doc, 15min, ES, 2012
Direção: Cristina Margon e Naiara Bolzan


Curta, compartilhe em suas páginas, grupos e amigos!